Um Aniversário Macabro

Celebrando uma década de seu lançamento, a surpreendente produção A Bruxa de Blair (NBO Entertainment) continua fazendo escola – e sucesso!

Cena do filme A Bruxa de Blair, que completou 10 anos em 2009

Foi no dia 16 de julho de 1999, nos EUA. Esses são data e local de nascimento de um fenômeno que começou na Internet meses antes e que já esquentava o público para o filme que viria em breve. Um vídeo amador de oito minutos ganhou notoriedade nas mãos de dois cineastas iniciantes, Danie Myrick e Eduardo Sánchez, que criaram um portal chamado The Blair Witch Project (www.blairwitch.com, no ar até hoje), que deu tão certo que foi uma questão de tempo até o longa-metragem ser realizado. Com “apenas” US$ 60 mil na mão, a dupla de diretores-roteiristas recrutou três atores e os levou para o meio do nada e lá surgiu uma obra-prima do terror moderno. Depois de uma pré-estreia de respeito, somando US$ 1,5 milhão em 27 salas norte-americanas, sua abertura no circuito nacional dos EUA se estendeu a mais mil cinemas e arrecadou US$ 29 milhões apenas no primeiro final de semana de exibição. Duas semanas depois, a história da tal bruxa ganharia o mundo e atingiria a marca de cerca de US$ 250 milhões. No Brasil, o filme estreou no dia 1 de outubro de 1999 e ficou em cartaz por 16 semanas, somando quase R$6 milhões e levando mais de 1 milhão de pessoas às salas de exibição. Em DVD, está nas lojas e locadoras e a versão mais recente, lançada pela NBO Entertainment possui vários Extras, como “A Maldição da Bruxa”, “Novas Cenas Descobertas”, além de Biografias e Comentários em Áudio; itens que fazem valer ainda mais a pena ter esse filme na locadora ou mesmo em casa.

Uma dúvida que pode surgir é sobre o significado desse monte de números apresentados. Quando A Bruxa de Blair surgiu no mercado, a Internet ainda esta em fase de expansão mundial. O marketing do filme foi totalmente realizado de forma on-line, gastando-se pouco e criando muita expectativa em torno do lançamento – o que é parte fundamental da técnica de divulgação conhecida hoje como “viral”, que mostrou seu poder em 2008 com o mega sucesso Batman – O Cavaleiro das Trevas. Depois disso, o boca a boca do público se encarregou de transformar o projeto de graduação de Myrick e Sánchez em um sucesso no Box Office.

Depois disso, inúmeras produções de baixo orçamento, mas de muita criatividade ganharam espaço no mercado internacional, mas nenhum foi tão notório até agora, com a chegada de Atividade Paranormal (PlayArte). Com estreia nos cinemas prevista para o dia 4 de dezembro, a produção estreou (até o fechamento desta edição) apenas nos EUA e já contabiliza mais de US$ 100 milhões. O custo de realização do filme foi de US$ 15 mil. No Festival de Cannes deste ano, um filme de zumbis também fez sucesso. A produção inglesa Colin, produzida em 2008, foi apresentada e ganhou aplausos do público. O orçamento é de fazer o queixo cair: R$135. Surpreendente, não? (A. Cavallini)

~ por andre1979 em 04/01/2010.

Uma resposta to “Um Aniversário Macabro”

  1. Adoro “A Bruxa de Blair”, que muitas vezes é injustiçado, pois normalmente não entendem nada do filme… Não só a divulgação inovadora em 99 foi primordial, como a trama chama muita atenção. Vale lembrar que até hoje as pessoas confundem esses filmes como histórias verdadeiras, o que “infelizmente” não são, mas sim ótimos produtos e extremamente criativos. Ainda bem que estamos com uma leva boa de filmes desse gênero.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: