12. Jogos Mortais

Ficha Técnica

Nome nacional: Jogos Mortais

Nome original: Saw

Ano de produção: 2004 (estreou em 19/1/2004)

País de produção: Austrália e EUA

Direção: James Wan

Roteiro: Leigh Whannell, baseado na história de James Wan e Leigh Whannell

Elenco: Cary Elwes, Leigh Whannell, Monica Potter, Danny Glover e Tobin Bell

Duração: 99min

Distribuidora: Paris Filmes

 

Resenha:

Sete filmes depois, é difícil voltar a ver o primeiro Jogos Mortais, de 2004, e não ficar impressionado com o que um filme independente conseguiu. O segredo? Um roteiro excelente e muita, mas muita tensão mesmo. James Wan e Leigh Whannell conceberam, um ano antes de realizar um dos melhores filmes de terror dos últimos anos, um curta-metragem chamado Saw (mesmo título original do longa-metragem de 2004).

Esta produção da dupla foi o embrião que originou uma das franquias mais rentáveis dos anos 2000 e tem como trama um homem que está no hospital e conta os maus bocados que passou nas mãos de um serial killer que tortura suas vítimas com jogos quem mexem com a cabeça de suas presas. Com esse cartão de visitas, a dupla encontrou um modo de financiar a produção do longa e com pouco mais de US$ 1 milhão – muito pouco para um filme do gênero – no bolso eles foram capazes de superar a marca de US$ 100 milhões nas bilheterias mundo afora. Isso sem falar do home vídeo.

Uma curiosidade é que Leigh Whannell escreveu a história de Jogos Mortais junto com James Wan e depois produziu o roteiro do longa. Não bastasse isso, Whannell também protagonizou o filme no papel de Adam, um dos pontos de ancoragem da trama ao lado do personagem de Cary Elwes, o médico Lawrence Gordon. Outra informação interessante (mas nada relevante para esta resenha) é que a direção e o roteiro dos outros seis filmes da franquia foram feitos por outras pessoas e a dupla que criou o primeiro filme nada mais teve a ver com o que veio depois.

Voltando ao assunto, Jogos Mortais começa com uma série de imagens fortes mostrando uma cena de um crime (detalhe para a ótima edição de Kevin Greutert, que viria a editar Jogos Mortais 2, 3, 4 e 5, e a dirigir os filmes 6 e O Final) (cultura cinematográfica nunca é demais) violento supostamente cometido por Jigsaw, um serial killer que está deixando a polícia preocupada e completamente perdida. Cuidando do caso estão os detetives Trapp (Glover) e Sing (Ken Leung) e eles quase colocam as mãos no assassino, não fosse uma bem armada armadilha de trágicas consequências para a dupla.

Em seguida, descobrimos duas pessoas presas em uma sala, com um cadáver baleado entre eles. Eles são Adam e Lawrence e estão acorrentados a canos de metal em cantos distantes de um grande e sujo banheiro. Uma série de bilhetes, câmeras ocultas e gravações de áudio conduzem o espectador e os prisioneiros a um labirinto enquanto o tempo passa e o jogo mortal criado por Jigsaw ganha cada vez mais tensão.

Aqui eu encerro os detalhes da trama. Chega a ser engraçado o fato de eu sempre encerrar os textos para não entregar o final dos filmes. Fato é que grande parte dos bons filmes não segue uma linha comum em seus textos e qualquer informação que eu der pode acabar com a graça de ver os filmes. Jogos Mortais engana o espectador, no bom sentido, e faz com que, assim como os policiais e as vítimas, fiquem sem saber em quem confiar e qual a possível saída do jogo. Tudo muito bem amarrado e montado para que uma surpresa muito interessante para quem tiver coragem de ver. Obviamente, está na minha coleção. Pode comprar ou alugar, é diversão garantida.

 

Nota: 10

3 comentários em “12. Jogos Mortais

  1. amo de mais a serie jogos mortais tenho todos eles os produtores arrasam , meu sonho ser uma grande roteirista entao eu comecei a escrever historias escrevi varias uma delas e a continuaçao dos jogos mortais eu escrevi 8 9 10 11 12 13sao bem legais q se baseiam em uma detetive descobre q e filha do jigsaw ele deixa o seu legado para ela ela decide continuar os jogos so q ela descobre q tem cancer e morrer seu herdeiro ele continua so q ela volta e declara bem se quizer sabe mais me procure no facebook

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s