29. A Noite dos Mortos Vivos

Ficha Técnica

Nome nacional: A Noite dos Mortos Vivos

Nome original: Night of the Living Dead

Ano de produção: 1968

País de produção: EUA

Direção: George A. Romero

Roteiro: George A. Romero e John A. Russo

Elenco:

Duração: 96min (versão colorizada)

Distribuidora: NBO Entertainment (Edição de Colecionador Colorizada)

Resenha:

Para começar esta resenha, adianto que o cinema de terror nunca mais foi o mesmo – no bom sentido – depois de A Noite dos Mortos Vivos. George A. Romero revolucionou o gênero e deixou sua assinatura (mais de uma vez) na história. Até o lançamento desta produção, realizada com poucos recursos, em preto-e-branco, financiada com a ajuda de amigos e família, os zumbis eram mais uma página desconhecida da mitologia africana. Apesar de eu já ter visto inúmeras vezes A Noite dos Mortos Vivos de Romero, a versão que mais me agrada é a que foi lançada pela NBO Entertainment. Independentemente da minha ligação com a empresa, a edição lançada em DVD é ótima e traz o filme colorizado, até então inédito no home vídeo nacional. Entre os extras, o original em preto-e-branco, biografia do diretor do clássico e comentários.

Tudo começa (para o espectador pelo menos) quando um casal de irmãos vai ao cemitério e é atacado por um ser estranho, que mata o rapaz e quase faz o mesmo com a jovem, que escapa por pouco ao entrar no carro e soltar o freio. Ela sabe que a coisa ficou feia quando vê seu irmão ser devorado pelo homem. A moça consegue sair do local e vai parar em uma casa habitada por outros sobreviventes, que estão tentando descobrir o que está acontecendo. É então que acontece uma revelação aterradora: os mortos estão voltando a caminhar entre os vivos e estão se alimentando deles.

Dentro da casa, a situação fica tensa. Entre os refugiados está um casal de meia-idade com sua filha, que foi mordida por um dos mortos vivos e está entre a vida e a morte. Sem saber como reagir a isso, os outros sobreviventes trancam a menina no porão da casa junto com o resto da família. Outra questão que causa discórdia é o preconceito, já que o homem que se levantou para liderar o grupo é negro e o pai da garota doente não aceita que um afrodescendente seja o chefe. Enquanto isso, do lado de fora da residência, os monstros vão se acumulando ao redor da propriedade, famintos e chegando cada vez mais perto de invadir o local.

O tempo vai passando e a tensão só cresce. O grupo tenta fugir, mas os mortos estão em cada vez maior número do lado de fora. Os zumbis passam a tentar invadir a casa. Do lado de dentro, acuados, os humanos se deparam com a falta de recursos para se defenderem e outras ameaças como a briga pela liderança do grupo e a garota mordida, que morre e volta à vida. Tudo isso termina de forma trágica quando o resgate chega pela manhã.

Sem palavras para descrever o que A Noite dos Mortos Vivos significa para um fã como eu. Foi um dos primeiros filmes de terror que eu vi, um dos mais assustadores e que marcou. Faço questão de ter não só ele, mas todos os filmes de George A. Romero em casa. A Noite dos Mortos Vivos é o primeiro daquela que seria batizada de Trilogia dos Mortos e que é completada por Despertar dos Mortos e Dia dos Mortos. Décadas mais tarde, Romero dirigiu outros três bons exemplares da safra dos zumbis, mas não com a mesma mão dos anteriores. O filme de 1968 ganhou um remake assinado pelo especialista em efeitos visuais Tom Savini, em nos anos 1990.

Concluindo, a nota de A Noite dos Mortos Vivos não poderia ser outra senão 10. Tenho a edição de colecionador, com o filme colorizado. Versão original ou colorida, este filme tem que estar na coleção.

 

Nota: 10

~ por andre1979 em 29/07/2011.

4 Respostas to “29. A Noite dos Mortos Vivos”

  1. […] que se tornou uma sumidade neste subgênero do terror. Romero é responsável pelo já clássico A Noite dos Mortos-Vivos (1969, NBO Entertainment), que literalmente abriu as portas para muitas outras produções como […]

    Curtir

  2. Vlw cara! Vi esse dvd hj, mas por ver q era colorido, fiquei com medo d n ser realmente o do romero, mas sim algm remake. Vou voltar na loja amanha msm p comprar \o/
    Nos extras, a versão em preto e branco tá completa?

    Curtir

    • Se for a versão colorizada lançada pela NBO, tem a versão em preto e branco completa sim!

      Curtir

      • Eu comprei… Veio a versão original p&b completa. E a colorização ficou mto boa! Mto obrigado cara!

        Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: