44. O Ritual

Ficha Técnica

Nome nacional: O Ritual

Nome original: The Rite

Ano de produção: 2011

País de produção: EUA

Direção: Mikael Hafstrom

Roteiro: Michael Petroni, inspirado pelo livro de Matt Baglio

Elenco: Colin O’Donoghue, Anthony Hopkins, Ciarán Hinds, Alice Braga

Duração: 114min

Distribuidora: Warner

 

Resenha:

Filho de um agente funerário e sem a menor vocação para o serviço, Michael (Colin O’Donoghue) decide seguir a vida religiosa e entra em um seminário. Chegando perto de cumprir os requisitos para se graduar como padre e assumir a responsabilidade de uma paróquia, Michael começa a perceber que sua fé não é mais a mesma e questionamentos começam a surgir em sua cabeça sobre o rumo de sua vida. Quando um incidente em que sua fé é colocada à prova e ele falha, seu mentor lhe sugere que ele vá a Roma fazer um curso sobre exorcismos para que ele veja o poder da fé na vida das pessoas e na libertação do mal.

Em Roma, Michael começa a frequentar os seminários sobre exorcismos e o que ele vê lhe deixa intrigado. Questionador, ele rapidamente se faz presente no curso ao levantar dúvidas sobre o que está sendo exibido. O palestrante chama Michael para uma conversa e pede que ele faça uma visita ao padre Lucas (Anthony Hopkins), um veterano jesuíta que é considerado um dos mais experientes exorcistas da atualidade, apesar de seus métodos pouco ortodoxos.

Michael rapidamente se interessa por Lucas e passa a acompanhar o seu trabalho. Lucas está realizando o trabalho de libertação de uma jovem local, grávida, que está possuída. Ele realiza uma sessão e Michael vê de perto o trabalho, ainda descrente. No entanto, o que ele observa é algo inédito e poderoso. Ainda mais depois que o experiente padre explica que por vezes é preciso mais de uma sessão para a total libertação do possuído. As coisas não acabam bem para a jovem, que termina no hospital dadas suas condições.

O maior desafio, todavia, ainda estava por vir para Michael, que percebe que o comportamento de Lucas está mudando. Com a ajuda de Angeline (Alice Braga), uma jornalista que também acompanhava o curso, Michael precisa usar o que aprendeu e reavivar sua fé para libertar Lucas, que agora está possuído pelo mal que ele costumava combater.

O Ritual é um ótimo filme de terror. A direção de Mikael Hafstrom é bastante segura, assim como no ótimo suspense Fora de Rumo (2005). O cineasta sueco consegue criar uma atmosfera sombria, gélida e tensa, usando ótimos efeitos especiais. Anthony Hopkins está excelente como o padre Lucas, assustador de verdade, como ele já foi vivendo o psicopata Hannibal Lecter em O Silêncio dos Inocentes. Altamente recomendado!

 

Nota: 8,5

Um comentário em “44. O Ritual

  1. O Ritual é um filme bom,gostei do filnal com os padres.
    mais no meio do filme perdeu um pouco a graça 😦
    a Rosário não deveria ter morrido,o certo seria ela continuar viva até o final.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s