62. A Volta dos Mortos-Vivos 3

Ficha Técnica

Nome nacional: A Volta dos Mortos-Vivos 3

Nome original: Return of the Living Dead 3

Ano de produção: 1993

País de produção: EUA

Direção: Brian Yuzna

Roteiro: John Penney

Elenco: Mindy Clarke, J. Trevor Edmond, Kent McCord, James T. Callahan, Sarah Douglas

Duração: 93min

Distribuidora: Cannes Home Vídeo (VHS)

Resenha:

Confesso que havia planejado outras resenhas para esta atualização, mas quando vi que A Volta dos Mortos-Vivos 3 estava disponível na Netflix, não deu para resistir. Vi o filme novamente ontem à noite e hoje resolvi escrever sobre ele. Esta produção dirigida por Brian Yuzna, um mestre dos filmes B bastante melequentos, nunca chegou ao DVD no Brasil. Por isso, acredito que os mais novinhos não tenham visto esta pérola ainda, já que anda fora da programação dos canais de TV há bastante tempo.

A Volta dos Mortos-Vivos 3 segue a trama iniciada no primeiro filme desta nova franquia, que começou em 1985 com o filme de Dan O’Bannon. Militares estão trabalhando no desenvolvimento de armas biológicas para o governo e estão fazendo uso de um gás tóxico que estava armazenado secretamente desde um incidente que causou muitas mortes em uma pequena cidade anos atrás (lembra?). Atenção para o fato de que os barris em que o gás é armazenado contêm ainda os corpos dos zumbis.

O chefe da operação é o Coronel John Reynolds, que não gosta muito da ideia de mecanizar os zumbis e usá-los como arma. Todavia, isso pouco importa para o Pentágono, que manda a Coronel Sinclair para o local assumir o comando e dar continuidade aos experimentos o quanto antes. Ao mesmo tempo, Curt Reynolds, filho do militar, e sua namorada Julie estão planejando largar tudo para viverem juntos, algo que o pai do rapaz não aprovaria. Curiosos, eles roubam o cartão de acesso de Reynolds e entram na instalação militar em que os experimentos estão acontecendo. Eles testemunham o momento em que os cientistas usam o tal gás para trazer um defunto de volta à vida. Assustados, eles fogem da base e sofrem um acidente de moto na estrada. Curt fica levemente ferido, mas Julie acaba morta. Desesperado, Curt decide levar sua garota de volta para a base e usar nela o gás. Ele faz isso com sucesso e Julie desperta da morte. Obviamente, isso terá consequências um tanto violentas para muita gente, já que eles partem em fuga da base novamente e vão parar em um mercadinho no centro da cidade, onde arrumam encrenca com uma gangue de latinos que estava por lá.

A Volta dos Mortos-Vivos 3 é um filme divertido, para não ser levado à sério pelos fãs da mitologia de zumbis criada por Romero. A produção mantém o ritmo de humor negro que os dois filmes anteriores tinham e adiciona à mistura o toque particular de Yuzna, que desde o início de sua carreira mostra a capacidade de criar seres bizarros, deformados e gosmentos.

O resultado aqui é muito interessante, pois o diretor e sua equipe conseguem dar vida a criaturas muito bizarras em cenas toscas, mas bem feitas. O destaque do filme é ver de camarote uma garota muito bonita (Melinda “Mindy” Clarke, do seriado The OC) ir lentamente se transformando em uma morta-viva sádica, masoquista e incrivelmente faminta. Impagável o momento em que ela come o cérebro do coitado do comerciante oriental e solta a clássica frase “Miolos!”. Em suma, vale a pena ver (ou rever) este clássico dos filmes Z (B é demais para ele). Diversão garantida.

Veja mais imagens abaixo da nota.

Nota: 7

2 comentários em “62. A Volta dos Mortos-Vivos 3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s