Sentimentos Mortais

Saudações,

Assisti no começo da semana ao filme Sentimentos Mortais, uma produção original da série After Dark lançada no Brasil pela California Filmes. Eu já estava ensaiando para ver o filme desde que ele foi lançado para as locadoras, mas ainda faltava dar aquele estalo motivador, sabe? Pois tive esse lampejo de vontade e acabei conferindo o DVD. Não me arrependi.

Antes de falar do filme, quero agradecer à California por trazer para o Brasil as produções recentes da After Dark, pois elas são bastante interessantes e, apesar de não ser o gênero mais popular, o Terror está carente de boas novidades.

Bom, Sentimentos Mortais narra a história de Seth e Jonah, irmãos gêmeos cuja ligação vai além do simples carinho e preocupação. Na verdade, os dois possuem um poder especial quando juntos – a telecinese. E isso vai além da habilidade de mover objetos, ao darem as mãos e focarem um objetivo, eles conseguem entrar na mente de qualquer pessoa e criar uma realidade segundo a vontade deles. Com isso, Seth e Jonah podem fazer o que quiserem, como e onde tiverem vontade, sem que ninguém tenha qualquer lembrança de que algo aconteceu.

A primeira cena do filme já dá uma ideia do quanto os gêmeos são poderosos e psicóticos: em uma festa promovida por colegas de escola, o porão da casa onde rola o evento é palco de um jogo tenso de roleta russa. Um grupo de rapazes gira uma arma carregada sobre a mesa e, para quem ela apontar, o dedo na gatilho representa uma chance de morrer. Só que esse jogo tem uma variação perigosa, já que Seth e Jonah estão observando de perto o que se passa e podem levar a brincadeira a níveis perigosos de verdade. O resultado óbvio da roleta é mortal. E isso é só o começo.

Conforme o tempo passa, o espectador começa a conhecer mais sobre a história dos gêmeos e o que eles são capazes de fazer. E por mais tedioso que isso possa parecer, já que fica clara a rota destrutiva da dupla, o filme não cai em termos de tensão. A causa disso é um outro personagem, um detetive cuja tarefa árdua é achar alguma evidência que ligue os crimes que estão acontecendo na escola aos dois irmãos. Para temperar a trama, um envolvimento romântico surge e parece que será a ruína da ‘união’ inabalável de Seth e Jonah, já que o ciúme possessivo que rola entre eles é mais intenso que a tendência homicida deles.

É isso. O que eu podia falar do enredo e suas complicações, está dito. Sobre os efeitos, o sangue/gore e afins, o filme é interessante, bem produzidinho e honesto. Tem cenas de alucinação bem feitas, o sangue é moderado e não há muito gore. O diretor trabalha bem a transição entre as cenas das visões das vítimas e a realidade ao seu redor, o que pontua bem a influência dos irmãos na mente de suas vítimas. Não tomei susto algum, mas o roteiro prende bem a atenção, especialmente quando a relação dos gêmeos começa a entrar em crise e a história deles começa a ser mais explicada.

Para resumir o resumo, fiquei satisfeito com o filme e recomendo.

Nota: 8/10

Sentimentos Mortais
(Seconds Apart, Terror/Thriller, EUA/2011)
Direção: Antonio Negret; Elenco: Orlando Jones, Gary Entin e Edmund Entin
Distribuição: California Filmes

~ por andre1979 em 21/06/2012.

3 Respostas to “Sentimentos Mortais”

  1. A roleta lá com a arma no início do filme foi tudo de bom!!!

    Curtir

  2. eu amo esse filme e seth e jonah eu amo vcs tambem

    Curtir

  3. eu amo vcs e esse filme, muito bom

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: